Untitled Document




06-04-2020 22:34

Um Domingo de Ramos diferente

A Semana Santa começa no Domingo de Ramos, onde celebra a entrada de Jesus em Jerusalém montado em um jumentinho, tido como símbolo da humildade, e aclamado pelo povo simples que O aplaudia como “Aquele que vem em nome do Senhor”, misturando os gritos de hosanas com os clamores da Paixão de Cristo.

Segundo a carta circular do Vaticano sobre “A Preparação e Celebração das Festas Pascais” de 1988, "Desde a antiguidade se comemora a entrada do Senhor em Jerusalém com a procissão solene, com a qual os cristãos celebram este evento, imitando as aclamações e os gestos das crianças hebreias, que foram ao encontro do Senhor com o canto do Hosana"

Em 2020, o Papa Francisco celebrou a missa de Domingo de Ramos com a Basílica de São Pedro, no Vaticano, sem fiéis, por conta das medidas restritivas de isolamento para tentar conter a disseminação de coronavírus. Neste domingo, 05/04, durante a homilia, o pontífice pediu para que, nesses dias de Semana Santa em casa, "procuremos buscar o contato, através das redes sociais, com quem sofre, quem está sozinho e necessitado. Não pensemos só naquilo que nos falta; pensemos no bem que podemos fazer".

Aqui em nossa Arquidiocese, O arcebispo metropolitano de Feira de Santana, Dom Zanoni, gravou um vídeo informando que as celebrações ocorreriam nas paróquias e os fiéis poderiam acompanhar em suas próprias casas, através das redes sociais e do rádio. O arcebispo pediu que as pessoas colocassem no portão ou na porta de casa, em locais bem visíveis, alguns ramos. Ele também orientou que todos se comprometam a participar, no futuro, da coleta da Campanha da Fraternidade.

Em nossa Paróquia, nosso pároco Frei Mário Sérgio, juntamente com todos os Freis e confrades, celebraram a Santa Missa do Domingo de Ramos às 8h30, transmitida pelas redes sociais através da Web Tv Capuchinhos, Web Rádio Capuchinhos e Rádio Sociedade News FM 102.1.

O Domingo de Ramos nos ensina que seguir o Cristo é renunciarmos a nós mesmos, enfrentar as adversidades e aquietações por causa do Evangelho do Senhor. Ele nos tira do comodismo para nos colocar diante d’Aquele que veio ao mundo para salvá-lo e nos ensinar o que é o amor.

Pacom/Site Capuchinhos.



© Todos os Direitos Reservados à Paróquia Santo Antônio - Capuchinhos

Avenida Presidente Dutra, S/N - Capuchinhos, Feira de Santana - Ba

Tel: (75) 3625-1910